#132 – Quando começamos a acordar

No momento em que começamos a observar o pensador, ativamos um nível mais alto de consciência.

Começamos a perceber, então, que existe uma vasta área de inteligência além do pensamento, e que este é apenas um aspecto diminuto da inteligência.

Percebemos também que todas as coisas realmente importantes como a beleza, o amor, a criatividade, a alegria e a paz interior surgem de um ponto além da mente.

É quando começamos a acordar.

Eckhart Tolle

#131 – Ganha-ganha

0 Universo é pura inteligência, abundante e paradoxal, feito para todos serem ganhadores.

Dos diferentes jogos possíveis entre os seres humanos, o único que vale a pena ser jogado é o do ganha-ganha: para eu ganhar, você não precisa perder; a não ser que você insista, e aí o problema é seu.

Lair Ribeiro

#130 – O que comunicamos a nós mesmos

O que fazemos na vida é determinado pelo que comunicamos a nós mesmos.

No mundo moderno, a qualidade de vida é a qualidade de comunicação.

O que imaginamos e dizemos para nós mesmos, como movemos e usamos os músculos de nossos corpos e expressões faciais determinarão quanto usaremos do que conhecemos.

Anthony Robbins

#127 – Observando a mim mesmo

Observando a mim mesmo, vejo que sou ciumento, ansioso ou invejoso; percebo esse fato.

Ora, preciso “viver com ele”, com esse fato, porque é só quando vivo intimamente com uma coisa que começo a compreendê-la.

[…] percebo que, tão logo me acostumo com o fato, deixo de viver com ele.

Jiddu Krishnamurti

#126 – Hábito e repetições

Os cavalos são exercitados para determinadas marchas pelos treinadores, que os fazem saltar sobre obstáculos, desenvolvendo assim a marcha desejada por meio do hábito e das repetições.

O espírito humano precisa ser treinado de uma maneira idêntica, por meio de uma variedade de estímulos que inspirem o pensamento.

Napoleon Hill

#125 – Evolução da consciência

O processo de evolução da consciência é desafiador.

Muitas vezes, temos que encarar verdades bastante desagradáveis a nosso respeito, principalmente se estivermos identificados com a vítima, porque queremos passar o resto da nossa existência no jogo de acusações, acreditando que o outro é responsável pela nossa infelicidade.

Sri Prem Baba

#124 – As pessoas vivem sofrendo

As pessoas vivem sofrendo.

Só existem duas formas para escapar disso: praticar meditação — ficar alerta, atento, consciente… o que não é nada fácil.

É preciso garra.

O jeito mais barato é encontrar algo que deixe a pessoa ainda mais inconsciente do que já está, para que assim ela não consiga perceber a miséria em que vive.

Osho

#123 – Parece que somos livres

Parece que somos livres, mas no fundo sentimos que esta liberdade é um sofisma e que estamos ligados em todos os pontos e cantos: às regras de jogo da sociedade, ao preconceito de nossa raça, nação ou grau de instrução ao qual pertencemos.

Talvez nos liguemos a um parceiro, ou estejamos profissionalmente ou religiosamente ligados a alguma forma.

Theo Fischer